Páginas

* O rio e o homem mau...


(Escrito no verão de 2008)
Sábado, fomos passar o dia num rio próximo daqui.
Éramos apenas nós três e mais uma outra família, bem longe de onde nós estávamos.Assim, era tudo nosso...Lindo!
Numa das voltas que dei com Neno pelos matos, li para ele uma placa (ele agora se interessa em tudo e começa a ler algumas palavras) e nela estava escrito que o homem pode colaborar para destruição do planeta.
E abaixo, seguia a descrição de cada material (vidro, latas, plásticos), com o tempo que leva para a total decomposição na natureza.
Ele ficou impressionado com os números.
Bem, saindo dali, conversando comigo, diz:
-Vovó, podes me dizer o nome desse homem?Eu respondi que naquele caso, o homem significava todos nós, a humanidade.
Ele, não contente disse:
- Eu tenho nome, tu também, então esse homem que destrói também precisa ter um nome.
Imaginem eu explicando para ele que ele podia ser um João, uma Maria, Pedro, Roberto, Solange...e por aí fomos...
Coisinha mais querida aquela cara ,todo preocupado em saber quem estava fazendo isso, como se algo tivesse que ser feito.
E assim, ele vai crescendo, com a noção de preservação e tenho certeza, hoje, a esta hora, lá na escolinha, estará contando essa novidade de um homem que não tem nome, que pode ser cada um, mas que faz tanto mal... (Chica)
Postado por sementes

2 comentários:

  1. Minha Querida Chica....só posso dizer: Que sementinha bem plantada...! Beijos Jardineira, a Vida te agradece!

    ResponderExcluir
  2. Chica,esse seu neto faz cada pergunta que vai fundo,não é mesmo?Um menino especial!Beijos,

    ResponderExcluir

✿ Que isso possa ter deixado uma marquinha,ainda que seja bem pequenina , no seu dia, alegrando-o! ✿