Páginas

♥ Liberdade é vida!!!Pena, só por lá a vemos!!! ♥

Como sempre falo e reclamo aqui, nossas crianças vivem presas , socadas dentro de casa ou  em parques, sempre com adultos.

Não tem liberdade de brincar livres, ser crianças de verdade...

Poucas tem árvores, pátio grande(ou pequeno), verde em suas casas.

Trago aui uma foto que achei linda lá do pátio do Gordo, Inglaterra, que mostra bem essa diferença.

Os vizinhos abriram uma portão entre os muros das casas e assim, as crianças tem liberdade de entrar nos pátios  para juntas brincarem...
Muros abertos, amizade solta...
E lá, por incrível que para nós pareça, essa liberdade é respeitada...

Aqui Marco e os amigos vizinhos, num intervalo de brincadeiras e um lanchinho...

Que diferença,não?

 Hoje estão por lá com bexiguinhas e as famosas guerrinhas delas.  Há espaço e liberdade pra isso e é verão, podem  brincar com água, refrescar-se...



19 comentários:

  1. Oi, mãe !
    Adorei a postagem !
    Que fotos lindas!
    Coisa bem boa poder ter essa liberdade de poder brincar num pátio e ter a opção de brincar nos pátios de outros vizinhos com essa passagem entre os muros...
    Que o Marco aproveite muito bem isso, e se divirta bastante nesse dia lindo com direito a "guerrinha de bexiguinhas" - muito legal!!!
    Um beijo,Tita e Gui.

    ResponderExcluir
  2. Olá Chica, que partilha tão interessante e importante! Por aqui os muros parecem cada vez mais fechados, condomínios privados que dificultam essa tão saudável convivência de que as crianças tanto necessitam! Isso assim é ensiná-las a saber viver em comunidade o que as ajudará a entender e ajudar a construir um mundo melhor! Parabéns para o seu filho e os outros vizinhos por tão saudável ideia. Beijinhos e tudo de bom. Ailime

    ResponderExcluir
  3. Lembro quando meus filhos eram crianças pequenas, fizemos um portão entre cercas para que isso acontecesse!
    Sabes Chica que no interior ainda vemos (raramente) isso? Meu filho mora num prédio com apenas três apartamentos e as crianças têm a liberdade de ir e vir de um para o outro. Felizes...!
    Beijinho,
    Beth

    ResponderExcluir
  4. Puxa,que delícia de quintal coletivo!Parece mesmo coisa de filme,nós aqui não temos essa liberdade,com certeza!bjs,

    ResponderExcluir
  5. Olá menina,
    Adorei a postagem de hoje.
    Meus filhos quando pequenos tiveram quintal, mas depois mudamos e bye bye quintal, tinham que ficar brincando numa varanda minúscula, ou no quarto deles...sinto falta da liberdade que tive, com quintal grande, vizinhos amigos, podia ir brincar com as outras crianças, até na rua...hoje já não podemos fazer isso...que bom que onde você mora, ainda consegue proporcionar isso a seu filho.
    Beijos e um ótimo dia.

    ResponderExcluir
  6. chica, abrir o muro para o vizinho só é possível em uma nação onde haja respeito, o Brasil precisava se apropriar desse valor.
    Sobre a insegurança, estou com o assunto entalado na garganta há dias, em breve pretendo escrever sobre ele. Um abraço!

    ResponderExcluir
  7. Chica! O lugar é lindo e a brincadeira de criança também. Enquanto isso, por aqui, nos reservamos cada vez mais se quisermos ter um pouco de segurança. Pena ter que ser assim. Beijo!

    ResponderExcluir
  8. Que cenas lindas! Marco é um menino abençoado por poder desfrutar desse divertimento tranquilo, ao lado dos vizinhos, sem esbarrar nas grades pelas quais nós, aqui, estamos sempre envolvidos, praticamente neuróticos, sem confiar em ninguém a nossa volta. Criança deveria ter o direito de viver e brincar assim... Mas... Não sou pessimista, mas nem em sonhos acho que veremos algo assim aqui no Brasil, uma pena!

    Beijos nos teus netinhos lindos, e em ti também, querida Chica!

    ResponderExcluir
  9. Chica, eu sempre apreciei casas sem muros e quintais sem cercas! Afinal, vizinhos são quase parentes! São nosso mais próximos e os que primeiro nos socorrem nos momentos difíceis! Então, quando se é criança... ô coisa boa! Bjks e uma semana abençoada! Tetê

    ResponderExcluir
  10. Minha mensagem de hoje
    espero de coração , que goste
    tem muito amor em tudo.
    È essa minha maneira de ser .
    È assim , que é meu coração
    amoroso e com infinita fé.
    Que ,Deus lhe de esperança
    para vencer todos os obstáculos.
    Plante em seu coração a semente do amor.
    Que ajuda a fazer feliz o
    maior número de pessoas possível,
    para ampliar seus dias risonhos.
    Que encha seu coração com a divina fé,
    para sempre .
    Um feliz final de Domingo :
    Uma abençoada semana seja de infinita paz
    junto com sua amada família.
    Beijos no coração afagos na sua alma ,Evanir.

    ResponderExcluir
  11. As crianças de hoje não têm a sorte que tivemos na nossa infância.

    A insegurança espreita por todos os lados.
    Possivelmente, no Reino Unido esteja mais controlada e as crianças têm uma vida mais saudável.

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  12. Olá Chica!
    Nossa lembrei da minha infância, morava em uma casa com um quintal enorme, com muito verde e podia brincar a vontade e andar na rua de bicicleta...Infelizmente, hoje as crianças não tem a mesma liberdade que tinhamos antigamente, devido a tanta violência.
    Fiquei feliz em saber que ainda existe um lugar nesse mundo que as crianças podem brincar e interagir sem que adultos precisam estar atentos o tempo inteiro!!
    Uma linda semana, obrigada pelo seu carinho!!
    Bjss

    ResponderExcluir
  13. Muito legal isso, Chica
    Amei as fotos!!
    Um beijinho de boa noite para tí
    Com carinho de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  14. Chica,
    Essa é uma diferença enorme.
    Felizes as crianças que podem contar com esses espaços.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. Chica, Sem duvida os espaços se tornaram menores, ainda há mta brincadeira de crianças principalmente na periferia... mas por outro lado acho tão triste como as mães colocam seus filhos em uma redoma , e muitas para se livrarem da bagunça deixam os filhos o dia todo no computer , falo isso porque presencio esse tipo de coisa com os amiguinhos do meu neto , e lá na casa do mato onde tem muito espaço, tem mães que não deixam os filhos correrem livres...que coisa mais séria!
    muito legal lá no quintal do gordo , assim é que deveria ser, sempre!

    boa semana! bjs

    ResponderExcluir
  16. Que ideia boa esta.As crianças deve curtir muito esta liberdade.As fotos ficara lindas.Boa semana.bjs

    ResponderExcluir
  17. Chica,

    Entendo muito bem o que você passou com essas imagens e mensagem.
    Eu vivo os dois lados. Vejo as crianças daqui tão livres, e as nossas aí, tão presas. Muito triste isso!
    Vivendo nessa liberdade, eu penso muitos nos meus menininhos que vivem quase num a prisão.
    Aqui, no meu quintal, também tem portão para a casa da Haidi. E, em alguns jardins, a divisas dos terrenos são árvores ou cercas vivas.

    Que essas crianças deem valor, e aproveitem essa liberdade por lá, e aqui.

    Uma linda semana! Beijos

    ResponderExcluir
  18. Parece um sonho, essa liberdade!
    seria bom se todas tivessem essa convivência e harmonia no viver.
    adorei o texto
    bj
    Zizi

    ResponderExcluir
  19. Tenho a sorte de morar num bairro onde as crianças podem andar nas ruas e brincar livremente nos parques.
    Beijos

    ResponderExcluir

✿ Que isso possa ter deixado uma marquinha,ainda que seja bem pequenina , no seu dia, alegrando-o! ✿