Páginas

* Cesto vazio...


Agorinha, ao colocar Neno para dormir, ele me abraçou, beijou e disse que não poderia esquecer de amanhã levar para a escola um pouco de chocolates para serem dados às crianças que não ganharam na Páscoa!


É uma campanha da escola!


Disse que já estava tudo na mochila e ele então, pensando, falou:


-Vovó, podes me explicar como é que o Coelhinho e o Papai Noel não levam presentes e ovos para todas as crianças?


Por que as crianças pobres não ganham nada deles?


Por que eles tem que ganhar dos outros?


Realmente, uma dúvida muito difícil de tirar de uma cabecinha de um menininho tão pequeno ainda e que já está notando as diferenças que nos cercam...


Pena, que eles tenham que ver isso,não é?


Após passar um domingo lindo, cheios de coisas boas nos ninhos, vivendo a expectativa da chegada do coelho, quando seus sonhos poderiam ser apenas revivendo o acontecido, tenham que parar pra pensar percebendo que outras, nada tem...


E o pior é que isso é a realidade.


Muitas e muitas nada tem...


Por outro lado, vemos a consciência de nossos tiquinhos de gente que vai se formando, pouco a pouco!


É o velho e bom andar da carruagem da vida...Chica

2 comentários:

  1. É engraçado,temos nossos filhos , criamos eles com tt consciência e vemos no dia a dia , políticos que roubam até a merenda escolar, sem escrúpulos nenhum.......sempre tive este problema com os meus fls....eles víam estas desigualdades tds.....uns com tt e outros sem nenhum.....agora,homens formados,vivenciam outras tts desigualdades....ciclo da vida ? talvez............

    ResponderExcluir
  2. Lendo você, lembrei de um dos projetos da escola onde trabalhava: a Páscoa Solidária.
    Acontecia mais ou menos da mesma forma, os alunos, professores e funcionários levando doações para serem entregues às crianças das escolas e comunidades menos favorecidas.
    Era impressionante a participação de todos e sempre se conseguia um número bem significativo de doações.
    Às vésperas da Páscoa, grupos de alunos, acompanhados por seus professores, visitavam as escolas levando, além dos doces, carinho, companhia e passavam gostosos momentos de integração com brincadeiras e diversas atividades.
    Era uma oportunidade fantástica de desenvolver valores como o espírito de solidariedade e fraternidade, além de proporcionar a convivência e o respeito às, infelizmente existentes, diferenças sociais.
    Acho que me bateu um "saudosismo" hojes.. rs... É a segunda vez que te comento contando coisas que sinto uma falta enorme de estar fazendo... rs...
    Um beijo, Chica!

    ResponderExcluir

✿ Que isso possa ter deixado uma marquinha,ainda que seja bem pequenina , no seu dia, alegrando-o! ✿