Páginas

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

♥Um "rombo",rssss... ♥




Estão vendo esse sujeitinho aí acima?

Todos o conhecem,não?

Pois bem... Passando num dos corredores do shopping, vi três pessoas olhando pra cima  diante de uma loja.  Fui olhar pra ver o que tinha lá!

 E, quando vi os vidros quebrados, não consegui calar a santa boquinha e perguntei para os que olhavam:

_ Puxa! Quebraram o vidro?
_Sim.- responderam.

_Que foi o marginal?
_ Foi ele?
_Quem?
_ O super-homem... Eles se mataram pra fazer um trabalho criativo, fazendo de conta que o herói com sua foça quebrara tudo e eu o chamo de marginal?

 Saímos de fininho, rindo do "rombo".

A Tita, querendo me matar,rs ( mas bem, que ela também pensou o mesmo que eu! Ficou só se "fazendo"...)

Isso mostra que estamos tão acostumados a ver tragédias por aqui que quando aparece algo diferente, logo pensamos que se trata de mais uma!!!

Acho que o vitrinista da loja está querendo minha cabeça!!! Será?rs

E, claaaaaaaaaro que depois disso, lembrei que podia dar um post...

Lá foi o Gui, de fininho , sem ser notado, fotografar!!! Eu não iria fazer MAIS essa por lá!

10 comentários:

mム尺goん disse...

deviam era ter fotografado a tua cara de justiceira ao nomear o "marginal" ...só de imaginar gargalhei aqui.

(achei lindo o teu contador de amor, que tudo seja perfeito!)


um beijo

Verena disse...

Que engraçado e original ...rsrs
Um beijinho para tí e para os netinhos
Com carinho de
Verena e Bichinhos

Tetê Guimarães disse...

Chica, uma coisa é certa: a loja conseguiu chamar a atenção! rs...rs...rs... Será que vão vender o suficiente para pagar o estrago do vidro? rs...rs...rs... Bjks e um abençoado final de semana! Tetê - Manancial

Anônimo disse...

Oi Chica

Eu discordo de você, acho que você estava certa, isto foi uma tragédia verdadeira, que criatividade é essa que faz quebrar um vidro inteiro?
Pra mim não é o super homem que é marginal, que me desculpe a Tita que se envergonhou do seu espanto, mas cá pra nós este vitrinista é marginal, se a criatividade dele fosse menos marginal teria com simplicidade e sem propor destruição criado uma publicidade tão efetiva quanto esta que deu o que falar com certeza, apelativa ou criativa, o sujeito conseguiu o que queria. Mas, arte que incita destruição, para mim sempre é incômoda, porque em primeira mão nos faz reagir como você reagiu e como a Tita sentiu e não demonstrou como a maioria que viu não deve ter demonstrado, nos lembra o que é ruim, vidro quebrado nos remete à agressão, a perda, e ao risco de ferimento, sentimentos ruins para serem associados a uma loja que precisa cativar.

Beijo!

Ana Miranda disse...

Eh...eh...eh...

A-do-rei, Chica!!!

E pode ter certeza que eu teria voltado para fotografar, sim.

Vane M. disse...

Chica, também quem imaginaria que haveriam de quebrar a vitrine para fazer um efeito? Imagino sua expressão no momento, hahaha. Belo post, um abraço!

Felipa Monteverde disse...

Uma forma diferente de abordagem, o que interessa é chamar a atenção das pessoas... e o vidro quem o paga é o dono, se o quer partir é lá com ele...
Boa foto, o Gui tem talento como a avó!
Bj

Kunti/Elza Ghetti Zerbatto disse...

Adorei o texto e o pequeno "rombo".
Santa criatividade!
abração com carinho

Kunti/Elza Ghetti Zerbatto disse...

Adorei o texto e o pequeno "rombo".
Santa criatividade!
abração com carinho

PROFESSORA LOURDES DUARTE disse...

Olá Chica! sempre que tenho mais um tempinho venho conhecer e seguir outro blog seu. Menina você é fantástica! Todos lindos! e com belas postagens. Você não só é fantástica, só pode ser um gênio! Eu só tenho um e quase não da tempo, e você com todos esses e cuida maravilhosamente bem. Parabéns, sucesso minha linda!!
Bjuss